SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número49A desigualdade de gênero na Educação Física EscolarCorpografias juvenis e geracionais em contextos de incerteza: subjetivação, divergência e indústria da felicidade no Chile atual índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Ultima década

versão On-line ISSN 0718-2236

Resumo

BRAVO VIVEROS, Sebastián. Culturas de consumo de álcool e cocaína: práticas e sentidos da experiência feminina juvenil metropolitana. Ultima décad. [online]. 2018, vol.26, n.49, pp.36-58. ISSN 0718-2236.  http://dx.doi.org/10.4067/S0718-22362018000200036.

O texto apresenta e analisa as diferentes práticas, dinâmicas e sentidos que compreende o consumo festivo e recreativo de álcool e cocaína para as mulheres jovens da Região Metropolitana. Para isso, são delineadas e caracterizadas as lógicas de uso de quatro culturas de consumo (punk/hardcore, underground, alternativa e house/eletrônica) em diferentes territórios de ação e em diferentes momentos das cadeias rituais de consumo. Ao mesmo tempo, identificamos os diferentes processos de transgressão, flexibilização e continuidade da normatividade social no campo das drogas, destacando as tensões que provoca o consumo feminino nas culturas e sociabilidades juvenis. Nesse sentido, sustentamos - como hipótese - que presenciamos a reconfiguração das normatividades de gênero fixada a um processo de transformação dos padrões de consumo de drogas transnacionais no contexto do aprofundamento do paradigma punitivo “contra as drogas” e da gestão governamental das juventudes.

Palavras-chave : Culturas de consumo; drogas; mulheres jovens.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )