SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número2A vacina contra o Virus do Papiloma Humano: situação da questão, princípio de proporcionalidade e consentimento informadoResponsabilidade profissional aplicada à farmacovigilância: um estudo de caso no México índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Acta bioethica

versão On-line ISSN 1726-569X

Resumo

SOUZA DE JESUS, Andreia et al. Aspectos bioéticos da vacinação em massa no Brasil. Acta bioeth. [online]. 2016, vol.22, n.2, pp.263-268. ISSN 1726-569X.  http://dx.doi.org/10.4067/S1726-569X2016000200013.

A vacinação em massa consiste na realização coletiva da prática vacinal, utilizando como estratégias as campanhas, mutirões e bloqueios, realizadas sem considerar os riscos epidêmicos e outras questões, implicando na perda da autonomia e vulnerabilidade dos indivíduos. Este estudo tem como objetivo realizar uma discussão referentes à prática da vacinação em massa sob a ótica da Bioética Principialista considerado o papel do Estado e os aspectos culturais relacionados a essa prática. Trata-se de uma revisão de literatura com recorte temporal de 1999 a 2013 em periódicos nacionais. Concluiu-se que ocorre desvalorização dos princípios éticos relacionados a autonomia, não-maleficência, beneficência e justiça, bem como uma desconsideração dos aspectos culturais dos vacinados por parte do Estado e dos profissionais de saúde. O Estado ainda é hoje o maior incentivador das práticas de vacinação em massa por serem medidas mais simples de prevenção das doenças uma vez que ainda existe uma precariedade nas infraestruturas sanitárias no país, no entanto, em contra partida, seria necessário estimular a conscientização da população e o aperfeiçoamento do controle sanitário que seriam a longo prazo opções necessárias para que em certos lugares se descontinuassem essa prática.

Palavras-chave : bioética; vacinação em massa; características culturais; economia da saúde.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons