SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número40As possibilidades de participação dos usuários nos principais cibermeios nacionais mexicanosO conceito de ‘facción’: Natureza, âmbito e impacto sobre os estudos jornalísticos e literários índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Cuadernos.info

versão impressa ISSN 0719-3661versão On-line ISSN 0719-367X

Resumo

NAVIA, Patricio  e  ULRIKSEN LIRA, Camilla Paz. Tuiteo, logo voto. O efeito do consumo de mídia e uso de redes sociais na participação eleitoral no Chile em 2009 e 2013. Cuad.inf. [online]. 2017, n.40, pp.71-88. ISSN 0719-3661.  http://dx.doi.org/10.7764/cdi.40.1049.

O crescimento das redes sociais tem ali mentado a percepção de que a sua uti lização tem um efeito positivo sobre a participação política. Por meio dos sensos nacionais, avaliamos o efeito do consumo de meios de comunicação tradicionais e o uso de redes sociais na participação elei toral no Chile entre 2009 e 2013. A pesar de as determinantes mais fortes de par ticipação eleitoral serem institucionais, socioeconômicos e sociodemográficos, o consumo de mídia também afeta o nível de participação do eleitorado nos plei tos. Analisando separadamente, o con sumo de mídia tradicional e o uso de redes sociais têm efeitos positivos sobre a dis posição de votar. Mas quando avaliadas conjuntamente, desaparece o efeito do uso de redes sobre a participação eleitoral dos chilenos e sobre a predisposição de votar.

Palavras-chave : participação eleitoral; vontade de votar; consumo de mídia; consumo de redes sociais; Chile.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )