ISSN 0719-0948 versão online
ISSN 0718-2910 versão impressa

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Escopo e política

Os trabalhos enviados devem ser redigidos em espanhol. No caso de artigos, os mesmos deverão ser originais e resultar de projetos de investigação, devendo indicar o número ou código e nome do projeto, bem como a instituição de financiamento.

Os trabalhos enviados devem ser inéditos, não serão permitidos textos que tenham sido publicados anteriormente ou que estejam sendo considerados para publicação em outra revista.

Os artigos devem cumprir os requisitos básicos das normas de publicação (Estilo ASA), as quais são obrigatórias desde o momento do envio do trabalho. O descumprimento destas normas levará à devolução dos originais. Todos os autores deverão preencher dois formulários: um sobre conflito de interesse e outro sobre declaração de originalidade da publicação e cessão de direitos de publicação.

Os artigos recebidos serão enviados a dois avaliadores anônimos, externos à nossa Universidade, especializados na temática do trabalho, o que se conhece como ‘duplo-cego’, omitindo-se os nomes tanto do autor como do avaliador. Os avaliadores poderão: a) aceitar o artigo como está, b) aceitar sujeitanto-o a alterações, c) rejeitá-lo. Em caso de discordância entre os avaliadores sobre o aceite (tal como está ou sujeito a modificações) ou a recusa, o artigo será enviado a um terceiro revisor externo. O avaliador terá um período máximo de um mês para efetuar o trabalho.

Os comentários e sugestões dos avaliadores serão enviados para o autor, pelo editor ou editores convidados do número, para que procedam as correções e modificações necessárias para a publicação do artigo. A partir da data de envio das avaliações, o autor terá duas semanas para efetuar as alterações. Uma vez finalizado o proceso de correção, deverá enviar ao editor ou editores convidados do número a versão final de seu artigo para publicação, recebendo um certificado ou carta onde se indica que o seu artigo foi avaliado e aguarda publicação.

Na etapa seguinte, a revista se reserva o direito de realizar, antes da publicação, pequenas modificações do manuscrito que em nenhum caso transformarão o conteúdo ou as ideias centrais do texto. Estas modificações se referem a aspectos formais como correções ortográficas, melhoria da redação ou qualquer outro tipo de aspectos asociados a critérios de estilo.

A direção da revista poderá recusar um artigo, sem necessidade de enviá-lo aos avaliadores externos, caso considere que o mesmo não se adapta as normas ou não se adeque aos objetivos e linha editorial da revista.

O autor será informado sobre a aceitação ou recusa do artigo em período máximo de oito meses, contados a partir da data de recebimento do artigo.

Forma e prepação de manuscritos

Os trabalhos devem ter entre 5.000 e 10.000 palavras. Devem ser escritos em letra Times New Roman 12, espaçamento simples, configurando a impressão para papel carta. Os artigos não devem conter o nome do(s) autor(es), nem dados que permitam identificá-los. Tais informações devem ser enviadas em uma folha à parte, como será indicado adiante.

No caso das resenhas os trabalhos devem ter uma extensão de 1.500 a 2.000 palavras, escritas em letra Times New Roman 12, espaçamento simples, configurando a impressão para papel carta.

Margens: Os trabalhos devem estar configurados com margens de 3 cm à direita e à esquerda e 2,5 cm superior e inferior.

Estrutura: O artigo deve ter três partes: introdução, corpo central (desenvolvimento) e conclusões, cada uma das quais deverá estar claramente discernível das demais por meio de um subtítulo (em itálico e negrito, tamanho 12). O título do artigo ser redigido em espanhol (maiúscula e negrito) e inglês (minúscula e itálico).

Resumo: Todos os trabalhos devem apresentar um resumo (em espanhol) e um abstract (em inglês), com extensão máxima de 200 palavras. Além disso, devem ter três palavras-chave em espanhol, traduzidas também ao inglês.

Informações sobre o/a autor/a: Debe-se anexar um breve CV do/a autor/a (60 palavras), o qual debe incluir: títulos, nível académico e posição atual (cargo que desempenha, Departamento ou Faculdade, Universidade, cidade e país), assim como endereço, e-mail e telefone. Tais informações devem ser enviadas em uma folha separada do artigo, escrita em letra Times New Roman 12, espaçamento simples, configurando a impressão para papel carta.

Anexos: Se desejar, incluir os anexos no final do texto, após as referências.

Quadros, mapas, gráficos, tabelas, imagens: Devem ser entregues em formatos originais, sem importá-los ao texto em Word. As figuras devem estar em formato TIFF ou JPEG, com uma resolução mínima de 300 pixels. Todos os arquivos devem ser entregues em preto e branco ou em escala de cinzas.

Deverá constar um título na parte superior e estar numeradas separadamente por tipo. Na parte inferior, debe-se indicar a fonte. Tabelas e gráficos deverão apresentar os dados a partir dos quais foram elaborados.

Notas de rodapé: Devem ser empregadas para explicar ou elucidar algo dito no texto, para citar materiais que não se encontram disponíveis facilmente, como cartas e comunicações pessoais, documentos ou entrevistas. Tais notas devem ser empregadas o mínimo possível.

1. Texto:

  • Todas as expressões em latim não incluídas pela RAE devem ser redigidas em itálico.
  • Expressões ou palavras em outros idiomas devem ser redigidas em itálico.
  • Para uso de maiúsculas e minúsculas, obedecer estritamente as normas lingüísticas. Por isso, os gentílicos e os cargos devem estar sempre em minúsculas, exceto Chefe de Estado, Presidente da República ou Primeiro Ministro. As instituições vão sempre com maiúsculas. Por exemplo: o ministro de Indústria e Tecnologia japonés, o Ministério de Indústria e Tecnologia, a Prefeitura Municipal.
  • Aqueles números que ultrapassarem os 4 dígitos devem ir separados por pontos onde for necessário, por exemplo: 1.000.
  • Os séculos devem ser redigidos em números romanos.
  • Os números do zero ao nove devem ser escritos por extenso, o restante em números, exceto referências a idades.
  • A hora deverá ser designada segundo horario de 24 horas. Debe-se separar horas e minutos com dois pontos, minutos e segundos quando for necessário também devem ser separados com dois pontos (por exemplo: 16:30 horas, ou 21:34:20 horas), sem espaços intermediários.

2. Citações no texto:

  • Citação do autor de uma publicação
  • Se o nome do autor está no texto, seguir com o ano da publicação entre parêntesis. Exemplo: Em outro estudo realizado por González (2009).
  • Se o nome do autor não está no texto, escreva o sobrenome e o ano de publicação entre parêntesis (Bermúdez 2005).
  • Se o nome do autor está no texto e trata-se de uma citação direta de uma obra ou referencia, use: Artaza… (2009:25).
  • Inclua os números de página quando for citação direta de uma obra ou referencia a passagens concretas (Artaza 2009:191).
  • Caso se mencione mais de uma obra publicada no mesmo ano pelo mesmo autor, debe-se colocar uma letra minúscula após a indicação do ano com numeral ordinal (González 2002a; 2002b).
  • Caso se queira incluir as páginas concretas das obras publicadas em um mesmo ano, debe-se indicar assim: (González 2002a:20; 2002b:50).
  • Caso se queira citar duas publicações do mesmo autor em anos diferentes: (Tapia 2004; 2012).
  • Se a referencia é a uma obra cujo nome do autor já aparece na frase, inclui-se somente a data da obra: “O republicanismo de Sunstein (2006) y Pettit (2007) se diferencia…”.
  • Nos trabalhos com dois autores debe-se indicar os dois sobrenomes: (Aranda y Salinas 2005).
  • Nos trabalhos com três autores de uma publicação aparecerão todos os sobrenomes na primeira vez: (Artaza, González y Jiles 2009). Posteriormente poderá ser indicado: (Artaza et al. 2009).
  • Caso a publicação tenha sido escrita por quatro ou mais autores: (Pérez et al. 1993).
  • Caso se queira fazer referencia a distintos autores em diferentes anos, inicia-se pela obra mais recente: (Tapia 2004; González 2002; Pérez et al.1993). Os autores devem ir separados por ponto e vírgula.
  • Quando se indica pela primeira vez um autor corporativo ou institucional, debe-se incluir o nome completo da instituição: (Organização Mundial da Saúde 2009). Nas indicações seguintes, pode-se utilizar siglas (OMS 2009).
  • Caso se queira mencionar dois autores que possuem o mesmo sobrenome, debe-se indicar a letra inicial dos respectivos primeiros nomes para que seja possível diferenciá-los: (B. Ripley 1988; R. Ripley 1964).
  • No caso de uma reedição muito distante no tempo da publicação original, podese especificar esta última entre colchetes para facilitar ao leitor a compreensão da cronología das publicações; uma reedição moderna do texto de Marx poder ser indicada como: (Marx [1867] 1975), mas esta forma não é imprescindível.
  • Caso se queira especificar capítulos, índices ou tabelas: (Neuman 1994, tabela 3.3) o (Clawson 1998, cap.2).
  • As citações textuais de até 40 palavras, devem ser incluídas no texto, destacadas entre dupla aspas.
  • As citações de mais de 40 palavras devem formar um parágrafo à parte, com recuo duplo e letra em tamanho mais reduzido (Time New Roman 10) que o restante do texto. Neste caso, não emprega-se aspas.

3. Referências:

  • A lista de referências vai no final do texto e deve incluir todos os trabalhos citados no artigo.
  • Devem estar ordenados alfabéticamente por sobrenome e nome do primeiro autor.
  • Os trabalhos do mesmo autor devem ser enumerados cronologicamente.
  • Inclua os nome e sobrenomes de todos os autores. Utilize a inicial do primeiro nome somente se o autor aparece dessa maneira no texto original.

Livros:

Sobrenome, Nome. Ano de publicação. Título do livro (em itálico). Local da edição (estado ou provincia ou nome do país): Nome da editora.

Um Autor:

González, Sergio. 2007. Ofrenda a una masacre. Claves e indicios de la emancipación pampina de 1907. Chile: LOM Ediciones.

Dois autores:

Herrera, María y Helena Viramontes. 1995. Chicana Writes: On Word and Film. Berkeley, CA: Third Woman Press.

Três autores:

Varas, Augusto, Isaac Caro y Pamela Mewes. 1994. Democracia y mercado en el post-socialismo. Rusia y las repúblicas del Asia Central. Santiago: Flacso Ediciones.

Edição de Livros: Quando não se utiliza a primeira edição, deve-se indicar a edição utilizada (desde de que se trate de uma verdadeira reedição – texto revisado e modificado – e não apenas uma reimpressão do material)

Sobrenomes, Nome, abreviatura do editor (‘comp’ se a publicação for em espanhol e ‘ed.’ se a publicação for em inglês ou português). Ano de publicação. Título do libro (em itálico), Local de publicação: Editora.

Barr, Arista, ed. 2000. Well-Written Essays. Brandon, MB: Brandon University Press.

Varas, Augusto, comp. 1994. Medidas de confianza mutua en América Latina. Santiago: Flacso Ediciones.

Capítulos de um livro: Sobrenome, Nome do autor do capítulo. Ano de publicação. “Título do capítulo entre aspas.” Abreviatura de página (Pp.) primeira e última página preposição (en/in) título da obra em itálico, editado por (nomes do/s editor/es). Edição. Lugar de publicação: Editora.

Scully, Timothy R. 1995. "Reconstituting party politics in Chile." Pp. 100-37 en Building democratic institutions, editado por S. Mainwaring y T.R. Scully. Stanford: Stanford University Press.

Illanes, María Angélica. 2009. “Carta a los/as pampinos/as.” Pp. 406- 08 en A cien años de la masacre de Santa María de Iquique, editado por S. González, P. Artaza y S. Jiles. Santiago: LOM Ediciones.

Livros sem autor: (ordenar os livros em ordem alfabética pela primeira palavra do título). Título da obra (em itálico), Ano, Edição. Local de publicacão: Editora.

The Chicago manual of style. 2003. 15th ed. Chicago, IL: University of Chicago.


Artigos de revistas ou publicações seriadas:

Artigos em revistas em formato impresso: Sobrenome, Nome. Ano de publicação. “Título do artigo”. Nome da publicação (em itálico) Número do Volume: página de início e fim do artigo.

Aranda, Gilberto, Cristián Ovando y Alejandro Corder. 2010. “Experiencias para diplomáticas en la región de Tarapacá y su proyección subregional.” Estudios Internacionales 165:33-74.

González, Sergio. 2009. "La Presencia Boliviana en la Sociedad del Salitre y la Nueva Definición de la Frontera: Auge y caída de una Dinámica Transfronteriza (Tarapacá 1880-1930)." Chungara Revista de Antropología Chilena 41 (1):31-40.

Artigos em periódicos: Sobrenome, Nome. Ano de publicação. “Título do artigo entre aspas”. Nome da revista (em itálico) número do período, dia e mês.

Álvarez, Carolina. 2011. “La carrera que la oposición argentina nunca corrió.” El Mercurio, 9 de octubre.

Rimland, Bernard. 2000. “El autismo en los niños.” El Mercurio, 26 de abril.

Dissertações ou teses: Sobrenome, Nome. Ano de publicação. “Título da tese.” (em itálico). Grau académico, Departamento ou Faculdade, Universidade, Cidade, Região ou Estado.

Quitral, Máximo. 2005. “Las relaciones político-económicas entre Chile y Bolivia: 1973-1989.” Tese de doutorado em História e Geografia, Universidad de Santiago de Chile.

Trabalho apresentado ou Paper de uma conferência não publicado: Sobrenome, Nome. Ano de apresentação do trabalho ou da conferência. “Título da conferência ou apresentação.” Trabalho ou conferência apresentada no encontro, jornada, congresso, etc. Data, cidade e país.

Corder, Alejandro. 2009. “Política de seguridad en Chile, elementos distintivos de la Triple Frontera. Una reflexión sobre los riesgos.” Trabalho apresentado no X Congreso Internacional BRIT (Border Regions in Transition). 25 – 28 de maio, Chile-Perú.

Trabalho apresentado ou Paper de uma conferência publicado: Sobrenome, Nome. Ano de apresentação do trabalho ou da conferência. “Título da conferência ou apresentação”. Pp. (en/in) Nome do livro ou atas (em itálico), editado por. Local de publicação: Editora.

Corder, Alejandro y Cristián Ovando. 2007. “Pensamiento integracionista y las relaciones entre Bolivia y Chile en los últimos 50 años.” Pp. 20-32 en VI Encuentro de historiadores, intelectuales y cientistas sociales Bolivia-Chile, editado por Ojeda. Iquique: Universidad Bolivariana.

Recursos eletrônicos:

Artigos de revistas em formato eletrônico: Sobrenome, Nome. Ano de publicação. “Título do artigo”. Nome da publicação (em itálico) Número do Volume: página de início e fim do artigo. Data de consulta (endereço eletrônico).

Quitral, Máximo. 2009. “Chile y Bolivia: Entre el abrazo de Charaña y sus relaciones económicas, 1975 – 1990.” Revista Universum 25:139-69. Consultado 15 de abril 2011. (http://www.scielo.cl/pdf/universum/v25n2/art_09.pdf).

Livros eletrônicos: Sobrenome, Nome. Ano de publicação. Título do livro (em itálico). Local da edição (estado, provincia ou nome do país): nome da editora. Data da consulta (endereço eletrônico).

Jennings, James, ed. 2007. Race, Neighborhoods, and the Misuse of Social Capital. Gordonsville, VA: Palgrave Macmillan. Retrieved November 17, 2011. (http://site.ebrary.com.ezproxy.tru.ca/lib/trulibrary/docDetail.action?docID=10194106).

Páginas da Web: Nome da página da internet. Ano de publicação da página. “Título da seção da pagina entre aspas.” Local da página: Editores da web. Data de consulta (endereço eletrônico)

American Sociological Association. 2000. “Scholarship of Teaching and Learning Workshop.” Washington, DC: American Sociological Association. Consultada el 5 de Mayo 2008. (http://www.asanet.org/members/socwkshp.html).

Envio manuscritos

Toda correspondencia deverá ser encaminhada ao Instituto de Estudios Internacionales, Universidad Arturo Prat, Av. Manuel Montt 12, oficina 703, Santiago, Chile. E-mail: sisomosamericanos@unap.cl.

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Universidad Arturo Prat
Instituto de Estudios Internacionales INTE

Manuel Montt 12, Of. 703, Providencia
Código Postal: 7500573
Santiago - Chile
Tel.: (56-2) 2366 0750


sisomosamericanos@unap.cl