ISSN 0717-7518 versão online
ISSN
0716-1549 versão impressa

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Escopo e política

A Revista publica Editoriais, Artigos de Atualização, Ensaios, Trabalhos de Pesquisa, Casos Clínicos, Cartas ao Editor e Notas Técnicas na Ãrea da Nutrição e Ciências Afins.

Sistema de arbitragem para os artígos enviados para publicação na revista:

O Editor recebe o trabalho proposto para sua publicação, inscrevendo e enviando aviso de recebimento do mesmo. Se considerar que não cumpre com as normas de formato ou áreas de interesse determinadas para sua publicação, o trabalho será devolvido ao autor principal.

Se o trabalho cumpre com as normas de publicação, será enviado a três revisores do Conselho Editorial, que irão avaliar o manuscrito segundo formulários estabelecidos pela Revista. No prazo de 2 a 3 semanas o revisor deverá entregar o resultado da avaliação acima.

Se o Editor considerar pertinente, o trabalho será submetido à avaliação de novos experts na matéria do estudo.

Se o trabalho for aprovado será publicado no próximo número que tiver capacidade para tanto, sendo informado disso o autor principal.

Se o trabalho for aprovado com alterações, será devolvido ao autor principal com as indicações dos revisores, para sua correção. Uma vez corrigido, o editor apresentará novamente o trabalho aos revisores iniciais. Se for aprovado, será publicado.

Se o trabalho for reprovado, será devolvido ao autor principal com os comentários dos revisores.

Se os revisores discreparem da avaliação do trabalho, o mesmo será submetido a novos experts no assunto.

A Revista tem um sistema de avaliadores alheios ao Editor e Editores associados. Eles são experts em diferentes matérias sobre as que avaliam os trabalhos de pesquisa que lhes são submetidos.

Forma e prepação de manuscritos

Normas para a elaboração de manuscritos:

Os Temas de Atualização consistem em revisões críticas sobre assuntos de interesse no campo da Nutrição e ciências afins ou discussões gerais contendo critérios ou recomendações de aplicação prática. Cada Tema de Atualização deve ter 15 laudas, espaço duplo, no máximo.

Os Trabalhos de Pesquisa fazem referência aos resultados de estudos experimentais ou descritivos realizados, até o ponto em que seja permitida a dedução de conclusões válidas. Sua extensão máxima será de 20 laudas.

Os Ensaios são análises de um tema focado a partir da perspectiva pessoal do autor (ou autores). Deverão ter 15 laudas no máximo.

Os Casos Clínicos consistem no relato de pacientes com problemas médicos nutricionais de interesse. Terão 10 laudas no máximo.

As Cartas ao Editor são notas breves de 3 laudas, no máximo, a respeito de resultados preliminares de alguma pesquisa em andamento (colocação do problema, resultados pessoais e breve bibliografia), assuntos de interesse geral, observações ou críticas a determinada contribuição publicada na Revista.

As Revisões são as notas técnicas que correspondem a comunicações breves (3 laudas, no máximo) sobre métodos ou técnicas originais desenvolvidos pelos autores.

As contribuições para a Revista devem ser digitadas em computador com espaço duplo, tamanho carta, com margens direita e esquerda não inferiores a 3 cm.

Envio por e-mail ao Editor da Revista. Isso presupõe o compromisso de não enviar o trabalho a outra revista para sua publicação. Qualquer caso de publicação ou de comunicação prévia parcial deverá ser indicada através de nota de rodapé na primeira página do original.

Os manuscritos poder ser redigidos em espanhol ou inglês, segundo a preferência do autor.

Não serão aceitos trabalhos que, na opinião do Editor, apresentem uma extensão desnecessária.

A aceitação do original pela Revista fica sujeita ao resultado da revisão efetuada por especialistas na(s) correspondente(s) disciplina(s) que formam parte do Comitê Editorial ou são designados como assessores "ad-doc".

A correspondência relativa a um original de vários autores será estabelecida com o autor que encaminhou o trabalho.

Organização do manuscrito:

Recomenda-se organizar cada manuscrito como segue:

Título: A primeira lauda do manuscrito deve conter título completo em letras maiúsculas e sua tradução para o inglês, nome completo e sobrenome do(s) autor(es), instituição de origem com letras iniciais maiúsculas e o resto em minúsculas, indicando também a Unidade Acadêmica (Faculdade, Institutos ou outros) e o Departamento, Laboratório, Cadeira, etc., respectivamente. Na segunda lauda deve ser indicado o cargo que cada autor detém, com a sua devida identificação. O título deve ser conciso e suficientemente explícito. Não deve apresentar abreviaturas nem fórmulas.

Palavras-chave: Indicar máximo cinco, separadas por uma vírgula e deverão constar no final do resumo.

Introdução: Deve ser apresentada na segunda lauda e indicar claramente o objetivo ou hipótese da pesquisa e sua relação com outros trabalhos relevantes (próprio ou de outros autores), evitando longas revisões bibliográficas que poderão ser assinaladas com o número de referência da citação bibliográfica identificada devidamente segundo é indicado mais adiante.

Material e Métodos: A descrição dos materiais e sua origem deve ser efetuada de maneira concisa. Quando as técnicas ou procedimentos utilizados já têm sido publicados, deverá ser mencionada sua fonte bibliográfica, incluindo apenas os detalhes que representam alterações substanciais do procedimento original. Quando forem utilizados termos locais ou regionalismos, os mesmos deverão ser esclarecidos através de sua denominação científica ou de uso geral.

Resultado: De preferência serão apresentados em Tabelas e/ou Figuras, que serão respaldadas por cálculos estatísticos, evitando a repetição e selecionando a forma que em cada caso resultar adequada para a melhor interpretação dos resultados. Se houver subdivisões, elas serão encabeçadas com subtítulo.

As Figuras e ilustrações em tamanho 13 (largura) e 18 (altura) cm deverão ser numeradas com numerais arábigos e representadas em folha separada em papel brilhante, constando o nome do autor e o número correspondente no verso, escrito com lápiz pouco marcado. Sendo necessário, deve ser indicada a parte superior e a inferior da Figura.

Em caso de desenhos ou croquis, os mesmos serão realizados em tinta preta, em papel de boa qualidade. A localização de cada Figura deverá ser indicada, com lápiz, à margem do texto original. Os símbolos deverão ser especificados na própria Figura.

Os eixos (coordenadas) das Figuras e ilustrações devem ter uma indicação chave da variável que representam, bem como as unidades de medida.

Cada Figura ou ilustração deverá ser identificada com a legenda respectiva e apresentar os dados imprescindíveis para sua interpretação. Os mesmos deverão ser enviados em Power Point, separadamente do artigo.

As Tabelas deverão ser numeradas (numerais arábigos) segundo sua ordem de apresentação no texto e serão entregues em folhas separadas. Cada Tabela deve conter um breve título indicando claramente seu conteúdo. Os esclarecimentos das Tabelas deverão ser efetuados através de notas de rodapé nas mesmas. Os encabeçados das colunas deverão ser curtos ou abreviados, incluindo, em nota de rodapé, seu esclarecimento em caso necessário.

Em cada coluna será indicada claramente a medida utilizada, por exemplo: mg/g. Para concentrações não deverá ser utilizada a expressão %, porém, por ex.: g/dI. Deverão ser indicados claramente todos os testes estatísticos utilizados. As Tabelas devem conter toda a informação necessária para sua interpretação.

Não deve ser apresentado o mesmo material experimental sob a forma de Tabelas e Figuras.

Discussão. Deve ser breve e se limitar aos aspectos significativos do trabalho. No caso de que, conforme o parecer dos autores, a natureza do trabalho o permitir, os Resultados e a Discussão podem ser apresentados em conjunto. Sob o título geral de RESULTADOS e DISCUSSÃO.

Conclusões (optativo). Devem estar baseadas nos resultados obtidos e oferecer, se for possível, uma solução ao problema colocado na introdução. A conclusão mais importante pode ser destacada em forma de relação numerada.

Referências. Na medida do possível, devem ser acessíveis em qualquer país. As citações bibliográficas são indicadas com números arábigos no texto, entre parênteses e não por ordem alfabética dos autores.

Para as referências, no final do trabalho, são aplicadas as normas internacionais, ilustradas com os seguintes exemplos:

  • Artigos em revistas:
    Durante M, Cerletti P. Amino acid composition of seed proteins of Lupinos albus. J Agric Food Chem 1979;27:977-978.
  • Livros:
    Good, W.J. The family. Prentice-Hall Inc., New Jersey, 1964.
  • Livros sem autor individual:
    Association of Official Agricultural Chemists. Official Methods of Analysis ot the AOAC. 12th ed. Washington, D.C., The Association, 1975, p. 30.
  • Artigo ou capítulo de um autor(es), consignado em um livro publicado por cada editora:
    Hosking W G, Charles M. Macaroni production Matz, S.A., ed. The Chemistry and Technology of Cereals as Food and Feed. Westport, Conn., The Avi Publishing Co., 1959, p. 274-320.
  • Citações de compêndios ou de Publicações de Resumos de Reuniões Científicas.
    Exemplo 1: Breks H, Henseleit, K. Urea formation in animal body. Chem. Astr. 26:5624, 1923.
    Exemplo 2: González E, Manzar P, Cabrera R, Villarroel P, Fuchs R. Modificación de parámetros ruminales asociados a la infu¬sión de salitre en vivo. III Reunión Anual Soco Chilena Prod. Animal. Valdivia (Chile), 1978, Resúmenes de Comunicaciones, p. 37, (o entonces W resumen).

Resumo na língua original do artigo. Deverá ser informativo, apresentado em folha separada do texto e preparado de forma clara e concisa para o leitor que ainda não leu o texto do artigo. Deverão ser especificados também o propósito, o método, resultados importantes e principais conclusões. Deve constituir, com o título, um todo completo e coerente, não ultrapassando 150 palavras.

Resumo em inglês. Todo trabalho deverá incluir um resumo em inglês, apresentado em folha separada do texto, se o trabalho original for em espanhol. Se o trabalho for em inglês, o resumo acima deve ser apresentado em espanhol. O resumo não deverá ultrapassar 150 palavras.

Abreviaturas e Siglas. Deverão ser utilizadas abreviaturas aceitas internacionalmente (Sistema de Current Contents). No caso de utilizar siglas pouco comuns que sejam repetidas frequentemente no manuscrito, deverão ser escritas por extenso na primeira vez de sua citação, seguidas da sigla entre parênteses). De preferência, deverão ser utilizadas as siglas internacionais em vez daquelas da língua original do artigo: por ex.: DNA, RNA, PCR, etc. Todas as abreviaturas e siglas são utilizadas sem ponto.

Nomenclatura. Deverá ser utilizada a nomenclatura de União Internacional de Ciências da Nutrição (UNS) para vitaminas e outros nutrientes. Nas unidades de medição será empregado o Sistema Métrico Decimal ou Sistema Internacional:

MEDIDA

ABREVIATURA

contas por minuto

cpm

contas por segundo

cps

curie

Ci

graus celsius

°C

desintegrações por minuto

dpm

desintegrações por segundo

dps

equivalente

Eq

grama

g

hora

h

unidade internacional

IU

quilograma

kg

litro

I

metro

m

minuto

min

molar

M

mol

mol

osmol

osmol

revoluções por minuto

rpm

segundo

s

quilo-(prefixo)

k

deci.(prefixo)

d

centi -(prefixo)

c

mili-(prefixo)

m

micro-(prefixo)

u

nano-(prefixo)

n

pico-(prefixo)

p

média (termo estatístico)

x

não significativo (estatístico)

NS

número de observações (estatístico)

n

probabilidade (estatístico)

p

Note-se que a nenhuma abreviatura ou símbolo é acrescentado o "s" para indicar plural.

Uma relação mais completa de abreviaturas ou símbolos de uso comum em biologia e medicina aparece publicada em Annals of Internal Medicine 1979; 90 : 98-99.

Para as unidades de energia serão utilizadas caloria (cal) ou Joules (1) indistintamente.

Resultados Numéricos. Quando da utilização de números, será usada a vírgula (,) para indicar decimais, p. ex.: 37,5; e um espaço para indicar milhares, milhões, etc. Por exemplo: 2538.

Duplicados do artigo. Deverão ser solicitados no momento de apresentar o trabalho para sua publicação, mínimo 50 exemplares, sendo seu custo responsabilidade do autor. Efetuar o pedido em La Concepción 81, Oficina 1307 - Santiago, Chile, Fone - Fax: 2 2369128 / E-mail: sochinut@tie.cl / Página web: www.sochinut.cl.

Guía de exigências para os manuscritos

Deve ser revisada pelo autor responsável, marcando sua aprovação em cada campo correspondente. Os co-autores devem se identificar e assinar a página do verso. Ambos os documentos devem ser entregues juntamente com o manuscrito.
1.
Este trabalho (ou partes mais importantes do mesmo) é inédito e não será enviado a outras revistas enquanto é aguardada a decisão dos editores desta Revista.
2.
O texto está digitado em laudas tamanho carta, em duplo espaço.
3.
Inclui um resumo de até 200 palavras, em espanhol e, de preferência, traduzido para o inglês.
4.
Inclui como citações bibliográficas apenas material publicado em revistas de ampla circulação, ou em livros. Os resumos de trabalhos apresentados em congressos ou em outras reuniões científicas podem ser incluídos como citações bibliográficas unicamente estando publicados em revistas de circulação ampla.
5.
Se este estudo envolveu seres humanos ou animais de experimentação, em "Material e Métodos" será explicitado que foram cumpridas as normas éticas exigidas internacionalmente. Para os estudos em humanos, deverá ser identificada a instituição ou o comitê de ética que aprovou seu protocolo.
6.
O manuscrito foi organizado de acordo com as "Instruções para os autores", publicadas em cada volume e são entregues 3 cópias de todo o material, inclusive das fotografias.
7.
As Tabelas e Figuras foram preparadas considerando a quantidade de dados que contêm e o tamanho de letra que irá resultar após sua necessária redução na imprenta.
8.
Se Tabelas ou Figuras tomadas de outras publicações foram reproduzidas, outorga-se autorização escrita de seus autores ou dos donos dos direitos de publicação, segundo corresponder.
9.
As fotografias de pacientes e as Figuras (radiografias, etc.) respeitam o anonimato das pessoas envolvidas nas mesmas.
10.
São informados os números telefônicos e do fax do autor que manterá contato com a revista.
Nome e assinatura do autor que manterá contato com a Revista.
       
Telefones:   Fax:

Responsabilidade de autoria

Cada co-autor deve assinar esta declaração, que será exigida juntamente com o manuscrito e a "Guia de Exigências para os Manuscritos". Se o espaço para as assinaturas de todos os co-autores for insuficiente, poderão ser utilizadas fotocópias dessa página.
TITULO DEL MANUSCRITO:

DECLARAÇÃO: Certifico que eu contribui diretamente para o conteúdo intelectual deste manuscrito, para sua génese e análise de seus dados, portanto estou em condições de me fazer publicamente responsável do mesmo e aceito que meu nome conste na lista de seus autores. Declaro que revisei sua versão final e autorizo sua publicação na Revista Chilena de Nutrición.

Como co-autor certifico que é um manuscrito inédito e que não será submetido à publicação em outra revista, nacional ou estrangeira, em texto idêntico, parcial ou modificado, sem a obtenção prévia de autorização expressa do Editor desta revista.
NOMBRE Y FIRMA DE LOS CO-AUTORES
FECHA DE FIRMA
   





















Envio manuscritos

Os manuscritos deverão ser encaminhados a:

  • Editor
    Revista Chilena de Nutrición

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Sociedad Chilena de Nutrición, Bromatología y Toxicología

La Concepción #81 - Oficina 1307 - Providencia
Santiago - Chile
Tel./Fax: (56-2) 2236 9128


sochinut@tie.cl