ISSN 0717-7348 versão online
ISSN 0717-5698 versão impressa

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Scopo e política

A “Revista Chilena de Enfermedades Respiratorias” (Revista Chilena de Doenças Respiratórias) é uma publicação destinada difusão do conhecimento das doenças respiratórias nos seus aspectos médicos e cirúrgicos em adultos e crianças. Os manuscritos devem ser preparados de acordo com as normas detalhadas a seguir as quais se encontram dentro dos requerimentos das revistas biomédicas internacionais1,2.

Só serão aceitos trabalhos inéditos em Chile e no estrangeiro. Todos os artigos da revista serão da sua propriedade e poderão ser reproduzidos só com a autorização escrita do editor. O comitê editorial se reserva o direito a aceitar ou rejeitar os trabalhos enviados a publicação.

Forma e preparação de manuscritos

Os originais devem ser escritos em Espanhol, Português ou Inglês, folhas tamanho carta, letra 12 duplo espaço, com margem esquerdo de 4 cm.

Trabalhos originais: Trabalhos de pesquisa clínica o experimental. A extensão no deve ultrapassar as 15 páginas.

Atualizações: Revisão de temas que tenham experimentado rápido desenvolvimento nos últimos anos, e nos quais o autor tenha tido uma importante experiência pessoal. A extensão no deve ultrapassar as 15 páginas tamanho carta.

Casos Clínicos: Correspondem a comunicações de casos clínicos com características interessantes que signifiquem um aporte docente importante à especialidade.

Tuberculose: Secção dedicada à atualização nesta doença nos seus aspectos clínicos epidemiológicos, de laboratório o de tratamento.

Panorama: Esta secção é dedicada a comunicar aos sócios diferentes noticias de interesse da especialidade.

Todavia, inclui o obituário e as cartas ao editor.

A Revista Chilena de Doenças Respiratórias apóia as recomendações éticas da declaração de Helsinki relacionadas à investigação em seres humanos. O editor reserva- se o direito de rejeitar os manuscritos que no respeitem ditas recomendações. Todos os trabalhos devem estabelecer no texto que o protocolo foi aprovado pelo comitê de ética da instituição e que foi solicitado um consentimento informado dos participantes do estudo ou de seus tutores, se o comitê o considerou necessário.

Quando o trabalho for realizado em animais, deverá descrever-se os procedimentos cirúrgicos realizados e o nome, dose e via de administração do agente anestésico implicado. Não está permitido o uso de um agente paralisante como alternativa a anestesia; estes devem se administrar junto com o anestésico.

Em todas as categorias mencionadas, inclua uma primeira pagina separada na qual deve se especificar: título do trabalho, nomes e sobrenomes dos autores, procedência e endereço e a fonte de financiamento se a houve. Inclua também uma versão resumida (ate 40 caracteres, espaços incluídos), a qual irá ao cabeçalho de todas as páginas do seu trabalho. Artigos originais, revisões e casos clínicos devem incluir ademais um resumo em espanhol e inglês (= 150 palavras) incluindo o objetivo do trabalho, resultados principais e conclusões.

O resumo em inglês deve iniciar-se com o titulo no mesmo idioma.

A ordem das secções é: 1) titulo, 2) resumo em inglês, 3) resumo em espanhol, 4) texto, 5) agradecimentos, 6) referencias, 7) tabelas e legendas 8) figuras. Numere as páginas consecutivamente a partir da página do título. O número deve ser posto no extremo superior direito de cada página.

As pautas a seguir nos artigos originais são as seguintes:

INTRODUCÃO

Deve ficar claramente estabelecido o propósito do artigo e as razoes pelas quais foi se realizado o estudo.

Recomenda-se incluir somente os antecedentes estritamente necessários sem revisões in extenso.

METODO

Deve conter uma descrição clara do material de estudo e dos controles, quando estes são necessários. Devem identificar-se os métodos e os instrumentos especificando, entre parêntesis, o nome do fabricante e sua procedência.

Os procedimentos devem ser descritos em forma que permita sua replicação por outros pesquisadores.

Em caso de tratar-se de técnicas de outros autores, devemse proporcionar as referencias correspondentes.

RESULTADOS

Devem ser apresentados em seqüência lógica no texto, assim como nas tabelas e ilustrações. Não repita no texto os dados das tabelas e ilustrações, mas enfatize ou resuma as observações mais importantes.

COMENTÁRIOS

Destaque os feitios mais inéditos e importantes do estudo e suas conclusões sem repetir em detalhe os resultados.

Quando estiver justificado, inclua no comentário as implicações dos seus achados assim como as suas limitações. Relacione os resultados com os de outros estudos relevantes e relacione as conclusões com os propósitos do estudo. Evite vícios tais como: afirmações que seus dados no permitam fundamentar, referencias a sua precedência na obtenção de tais resultados e alusões a outros trabalhos não concluídos. Postule novas hipóteses quando seja pertinente.

AGRADECIMENTOS

Se o autor o estima necessário, pode incluir uma frase de agradecimentos a pessoas ou entidades que tenham contribuído de maneira direta e importante ao trabalho.

Recomenda-se como frase inicial: “Os autores agradecem a...”

REFERENCIAS

Devem ser indicadas por ordem de aparecimento no texto, seguindo a nomenclatura internacional de Vancouver: Sobrenome e iniciais do nome dos autores, título, título abreviado oficial da publicação, ano, volume e páginas inicial e final, segundo o exemplo: Alonso C., Díaz R. Consumo de tabaco en un grupo de médicos de la V Región. Rev Méd Chile 1989; 117: 867-71.

No caso de textos, eles deverão ser citados da seguinte forma: sobrenome e iniciais do nome do autor, título do texto, editorial, cidade, estado, país e ano da publicação.

Exemplo: West J B. Pulmonary Physiology. The essentials. Williams and Wilkins Co. Baltimore, Md, USA, 1978.

Se o número de autores for mais de seis, coloque os seis primeiros autores seguidos da frase «et al».

No caso de capítulos em textos, cite da maneira seguinte: sobrenomes e iniciais dos autores do capítulo.

Título do capítulo; seguido da preposição «Em:», sobrenome e nome do editor, título do libro (edição se não for a primeira), cidade, editora, ano e páginas.

Exemplo: Woolcock A. The pathology of asthma. Em: Weiss E B, Segal M S and Stein M eds. Bronchial asthma, mechanisms and therapeutics. Boston Toronto. Little Brown and Co. 1985; 180-92.

Os autores são responsáveis pela correta apresentação das referencias. O máximo permitido de citas é de 30.

Para citar outro tipo de artigo, consulte a referencia 2.

TABELAS

Devem ser apresentadas em paginas separadas, numeradas em forma consecutiva com números arábicos.

Ponha um título descritivo a cada uma. Cada coluna deve ter um cabeçalho abreviado. Explicite o significado das abreviações ao pé da tabela. Identifique se as medições estatísticas correspondem ao desvio padrão ou ao erro padrão.

Omita linhas horizontais e verticais ao interior das tabelas. Só se admitem linhas horizontais no cabeçalho e no pé da mesma.

FIGURAS E ILUSTRACOES

Devem ser feitas em forma profissional ou computacional com impressora a tinta ou laser. Pode enviarse o original ou fotografia em papel brilhante. O tamanho das fotografias deve ser aproximadamente 12 x 18 cm.

As letras, os números e símbolos devem ser claros e de tamanho suficiente para manter a legibilidades após reduções a uma coluna de revista. As figuras não devem ter título.

Cada figura deve ser identificada no avesso da pagina com um número, o nome do autor principal e uma indicação da posição correta com uma seta apontando a parte da cima.

Microfotografias devem incluir uma escala interna e os símbolos, flechas ou letras devem contrastar com o fundo.

Se forem utilizadas fotografias de pessoas, os sujeitos no devem ser identificáveis; caso contrário, deve incluirse o consentimento assinado do paciente.

Cite as figuras em forma consecutiva. Se forem utilizadas figuras previamente publicadas por outros autores, deve acompanhar-se da permissão do autor e editor.

As legendas das figuras deverão escrever-se consecutivamente em pagina separada numerando-as com números arábicos. Nela deve se escrever o essencial para a compreensão da figura, providenciando também o significado de símbolos, flechas, números ou letras empregadas. No caso de microfotografias registre o corante assim como o aumento utilizado.
Para a publicação de figuras geradas digitalmente deve consultar-se as recomendações estabelecidas na referência 3.

ABREVIATURAS

Utilize as abreviaturas de acordo com as normas apontas na referência 1.

REVISION

Os artigos serão revisados por especialistas designados pelo comitê editorial. Os autores serão notificados no máximo de 8 semanas da aceitação o não do manuscrito, o qual será devolvido com as recomendações feitas pelos revisores. A demora na publicação dependerá da rapidez com que os autores retornem ao comitê editorial a versão corrigida, bem como da disponibilidade de espaço.

BIBLIOGRAFIA

1. Uniform requirements for manuscripts submitted to biomedical journals. Ann Intern Med 1979; 90: 95-9.

2.- International Commitee of Medical Journal Editors. Uniform requirements for manuscripts submitted to biomedical journals. Ann Intern Med 1988; 108: 258-65.

3.- Cruz E, Oyarzún M. Requisitos para la publicación de figuras generadas digitalmente. Rev Chil Enf Respir 2004; 20: 114-8.

Guia de Requisitos para os Manuscritos*

Esta guia deve ser revisada pelo autor responsável marcando a sua aprovação em cada espaço (círculo) que corresponda. Todos os autores devem identificar-se e assinar a página de declaração de responsabilidade de autoria. Ambos os documentos xerocados ou recortados devem ser entregues junto com o manuscrito.
1.
Este trabalho (ou partes importantes dele) é inédito e não será enviado a outras revistas entanto se esperar a decisão dos editores desta Revista..
2.
O texto está escrito em tamanho 12, duplo espaço, e folhas tipo carta, numeradas correlativamente.
3.
Respeita o limite máximo de comprimento permitido pela Revista: 15 laudas para os “Artigos de Investigação” e “Artigos de Revisão”; 10 laudas para os “Casos Clínicos”; 5 laudas para “Cartas ao Editor”.
4.
Inclui resumos de até 150 palavras cada, em espanhol e inglês.
5.
As referencias bibliográficas ajustam-se ao formato internacional exigido pela Revista.
6.
Inclui como referencias só material publicado em revistas de ampla circulação ou em livros. Resumos de trabalhos apresentados em congressos ou outras reuniões científicas podem incluir-se como citas bibliográficas unicamente quando tenham sido publicados em revistas de ampla circulação.
7.
Se este estudo comprometeu seres humanos ou animais de experimentação, em «Material e Métodos» deixa-se explícito que foram cumpridas as normas éticas exigidas internacionalmente. Para os estudos em seres humanos, deve-se identificar a instituição ou o comitê de ética que aprovo o protocolo.
8
O manuscrito foi organizado de acordo às «Normas de Publicação para os autores» e se faz entrega de 2 cópias de todo o material, inclusive das fotografias.
9.
As tabelas e figuras se prepararam-se considerando a quantidade de dados que contem e o tamanho de letra que suficiente para garantir legibilidade após a necessária redução na imprensa.
10.
Se forem incluídas tabelas e figuras extraídas de publicações prévias, adjunta-se a autorização escrita de seus autores ou donos dos direitos, segundo corresponda.
11.
As fotografias de pacientes e as figuras (radiografias, TAC ou outros.) respeitam o anonimato das pessoas envolvidas.
12.
Indicam-se os números de telefone, fax e correio eletrônico de autor que doravante irá manter contato com a Revista.

Nome e assinatura do autor que manterá contacto com a revista
           
Telefone:
Fax:
E-mail:

* Según recomendación de ACHERB (Asociación Chilena de Editores de Revistas Biomédicas).

Declaração de Responsabilidade de Autoría*

 

O seguinte documento deve ser completado por todos os autores de manuscritos. Se o espaço for insuficiente para as firmas de todos os autores, podem-se adicionar fotocópias desta página.

TÍTULO DO MANUSCRITO:

DECLARACAO: Certifico que tenho contribuído diretamente ao conteúdo intelectual deste manuscrito e à geração e análise dos dados, pelo qual me faço publicamente responsável dele e aceito que meu nome figure na lista de autores.

Na coluna «Códigos de Participação» marco pessoalmente todas os códigos correspondentes mi participação neste trabalho, selecionadas da seguinte tabela:

Tabela: Códigos de Participação

a Conceição e desenho do trabalho f Aprovação da versão final
b Coleta de dados/ obtenção de resultados g Aporte de pacientes ou materiais de estudo
c Análisis e interpretação de dados h Obtenção de financiamento
d Redação do manuscrito i Assessoria estatística
e Revisão crítica do manuscrito j Assessoria técnica ou administrativa
    k Outras contribuições (definilhas)

Conflito de interesse: Não há possível conflito de interesse neste manuscrito (ver Editorial Rev Chil Enf Respir 2005; 21: 145-8). Se o houver, este será declarado neste documento e/ou explicitado na página de rosto, ao identificar as fontes de financiamento.

NOME E ASSINATURA DE CADA AUTOR
CÓDIGOS DE PARTICIPACAO
   






 
















* Acolhe recomendação da WAME (World Association of Medical Editors).

 

Envío de manuscritos

Os originais devem ser escritos em Espanhol, Português ou Inglês, folhas tamanho carta, letra 12 duplo espaço, com margem esquerdo de 4 cm.

O autor deve enviar o original e duas copias acompanhadas de copia eletrônica (programa Word) junto a uma carta ao editor, dirigidos a Bernarda Morín #488, classificador 166, correio 55, Santiago, Chile, indicando em qual das seguintes categorias deseja que se publique o seu artigo.

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Sociedad Chilena de Enfermedades Respiratorias

Santa Magdalena #75, Of. 701
Santiago - Chile
Tel.: (56-2) 2232 4729 - 2231 6292
Fax: (56-2) 2244 3811


ser@serchile.cl