ISSN 0719-2584 versão online

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Escopo e política

O Jornal Chileno de Direito e Tecnologia é uma publicação acadêmica semestral do Centro de Estudos do Direito da Informática (CEDI), da Faculdade de Direito da Universidade de Chile, que tem como objetivo divulgar à comunidade jurídica os elementos necessários para analisar e compreender o alcance e os efeitos que o desenvolvimento tecnológico e cultural têm produzido na sociedade, especialmente seu impacto na ciência jurídica.

O Comissão Editorial do jornal convida estudiosos, pesquisadores e estudantes, bem como a comunidade jurídica, nacional e internacional, a submeter trabalhos para possível publicação.

Os artigos serão submetidos a um processo de revisão cega por dois avaliadores externos no Centro de Estudos em Direito da Informática, em um processo conduzido e executado pelo editor desta revista. Os avaliadores externos recebem manuscritos sem menção de seu autor e relatar sua publicação recomendação e comentários que possam eventualmente fazer.

O Jornal Chileno de Direito e Tecnologia é destinado principalmente à pública nacional e latino-americana especializada em suas áreas de cobertura.

Forma e prepação de manuscritos

O Jornal Chileno de Direito e Tecnologia publica artigos de investigação originais inéditos em espanhol, relacionados com à interação que é gerada entre o Direito e a tecnologia. Os manuscritos podem ser de dois tipos:

  • Seção de Doutrina: Artigos, monografias ou resultados de pesquisas originais, cuja extensão máxima seja de 20.000 palavras, incluindo notas de rodapé, lista de referências e apêndices.

  • Seção de Relatórios: Relatórios jurídicos, análise da jurisprudência e legislativa, cuja extensão máxima seja de 10.000 palavras, incluindo notas de rodapé, lista de referências e apêndices.

Artigos de investigação são aqueles que desenvolvem os argumentos do autor completamente e usando literatura atual e relevante. Artigos originais são aqueles textos que não tenham sido publicados em espanhol. Portanto, também serão admitidos como textos originais aqueles publicados originalmente em outras línguas.

Os manuscritos submetidos não devem incluir informações dos autores no corpo do texto. Essa informação deve aparecer em uma página separada e deve incluir os seguintes dados: 1) nome completo do autor; 2) graus académicos possuídos, indicando à universidade que os concedeu; 3) qualificação profissional; 4) afiliação institucional; 5) endereço postal, e-mail e número de telefone; 6) referências ou reconhecimentos para indivíduos ou instituições, no caso da inclusão.

Os textos devem ser enviados em formato .doc, .rtf, .odf ou outros compatíveis. O formato geral do documento será em papel tamanho carta, fonte Times New Roman tamanho 12 pontos, texto justificado à direita e à esquerda, com espaçamento simples, margens de 3 cm acima e abaixo, e de 2,5 a ambos os lados.

Os artigos devem incluir versões em inglês e espanhol do título, e um resumo de um máximo de 120 palavras e cinco palavras-chave.

O artigo deve incluir uma listagem final com as referências citadas.

CITAÇÕES E REFERÊNCIAS

O sistema de citações e referências do Jornal Chileno de Direito e Tecnologia é baseado no The Chicago Manual Style (disponível em http://www.chicagomanualofstyle.org/home.html) e adaptado às regras da língua espanhola. As continuações são transcritos vários exemplos: Em cada caso, aparece primeiro como a entrada deve estar na lista de referências, e depois, como deve estar no corpo do texto.

  • Para citar um livro: Na lista de referências o nome do autor deve ser invertido, isto é, primeiro o sobrenome o sobrenomes, seguido do nome e separados por uma vírgula. O parêntese encerra o ano de publicação.

Cremades, Javier (2007). Micropoder. La fuerza del ciudadano en la era digital. Madrid: Espasa. (Cremades, 2007: 128).

  • Livro de dois ou três autores ou editores. Em este caso, só o primeiro nome é invertido na lista de referências; o resto deve se manter tal como aparece na fonte.

Fabra Valls, Modesto y José Luis Blasco Díaz (2007). La administración electrónica en España: experiencias y perspectivas de futuro. Valencia: Universitat Jaume i. (Fabra Valls y Blasco Díaz, 2007).

  • Livro de quatro o mais autores. Devem se incluir todos os autores na entrada da lista de referências. No corpo de texto, contudo, a cita pode mencionar só o sobrenome do primeiro autor seguido pela expressão «y otros».

Barnes, Peter, Chris Dibona, Sam Ockman y Mark Stone (1999). Voices from the Open Source Revolution. Nueva York: O'Reilly Me­dia. (Barnes y otros, 1999: 118-19).

  • Para citar um capítulo de um livro:

Gómez Puntes, Marcos (2007). «La administración electrónica». En Martín Rebolledo (compilador), La autorización administrativa, la administración electrónica y la enseñanza del derecho adminis­trativo hoy. Pamplona: Aranzandi. (Gómez Puntes, 2007).

  • Para citar um artigo de uma publicação periódica: No texto, coloca o número da página consultada. Na lista de referências, coloca o intervalo de páginas em que o artigo aparece no jornal.

Zúñiga, Francisco (2001). «Apostillas: Ley y reglamento en la Jurisprudencia del Tribunal Constitucional (de la germanización al practicismo)». Revista Ius et Praxis, 7 (2): 209-257. (Zúñiga, 2001: 214).

  • Para citar um artigo de publicação eletrônica:

Cerda, Alberto (2003). «Intimidad de los trabajadores y tratamien­to de datos personales por los empleadores». Revista Chilena de Derecho Informático, 2: 35-59. Disponible en: (Cerda, 2003: 411).

OUTRAS RECOMENDAÇÓES DE ESTILO

A utilização de itálico deve ser limitado às palavras em língua estrangeira. Excepcionalmente, podem ser utilizados para dar ênfase a uma palavra ou frase.

As citações breves devem ser incluídas dentro do texto «entre aspas», indicando a fonte ou referência entre parênteses. As citações extensas, de quatro ou mais linhas devem ser separadas em um parágrafo aparte.

Os quadros, tabelas e gráficos insertados no texto deverão se apresentar numerados, com título e mencionando a fonte, se fosse o caso. Deverão se acompanhar ademais em arquivo separado, editável.

Não é aceito a utilização de abreviaturas, nem termos referenciais em latín como ídem, íbid. y op. cit..

CUSTOS DE PUBLICAÇÃO

O Jornal Chileno de Direito e Tecnologia não aplica nenhum custo por avaliar nem publicar as contribuições que recebe.

Envio manuscritos

Os artigos devem ser enviados através do site do OJS da Universidade do Chile, www.rchdt.uchile.cl.

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Universidad de Chile
Centro de Estudios en Derecho Informático
Facultad de Derecho

Pio Nono Nº1, Providencia
Código Postal Región Metropolitana 7520421
Santiago - Chile
Tel.: (56-2) 29785263


chdt@derecho.uchile.cl