ISSN 0718-9516 versão online
ISSN 0718-9508 versão impressa

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Escopo e política

A JOURNAL OF SOIL SCIENCE AND PLANT NUTRITION é uma revista da Sociedade Chilena de Ciência do Solo com quatro números ao ano. Para a publicação são aceitos trabalhos originais de investigação, notas técnicas e revisão de literatura (tanto voluntários como por convite), em todos os aspectos indicados pelo título da revista. As versões eletrônicas dos artigos publicados estão disponíveis em http://www.jsspn.cl e http://www.scielo.cl proporcionando livre acesso a um vasto público internacional. Desde o segundo semestre de 2010, o idioma oficial da revista é Inglês.

As contribuições à ciência do solo abrangem campos como física, química, biologia, mineralogia, ecologia, pedologia, classificação, melhoramento, fertilidade e proteção de solos.

Tópicos em nutrição vegetal incluem metabolismo mineral, biotecnologia, rizosfera, ecologia molecular, fisiologia do desenvolvimento e rendimento, impacto da fertilização orgânica e mineral sobre o rendimento e qualidade.

Trabalhos em temas relacionados com a ciência do solo, tais como geologia quaternária, geomorfologia, hidrologia, e paisagismo, juntamente com contribuições para os campos de conservação de recursos naturais e proteção do meio ambiente também são bem-vindos.

Todos os artigos enviados para publicação serão analisados pelo Conselho Editorial e devem cumprir com os objetivos e âmbito da Revista. Os artigos apresentados serão enviados para a análise crítica de um mínimo de dois especialistas escolhidos pelo Conselho Editorial, que se reserva o direito de publicar ou rejeitar os artigos apresentados de acordo com as recomendações realizadas pelos revisores.

Forma e preparação de manuscritos

1. ORIENTAÇÕES GERAIS

Solicitamos aos autores apresentar seus manuscritos em forma eletrônica. Recomendamos fortemente que os autores verifiquem cuidadosamente a versão final de seus manuscritos quanto ao cumprimento da adequação ao formato e estilo da Revista. A fim de simplificar a produção da revista e minimizar o número de erros, a versão final do documento (uma vez aceita pelo Conselho Editorial), deverá ser apresentada como um arquivo eletrônico criado por processador de textos. Da mesma forma, se solicita aos autores enviar figuras, fotografias, gráficos e tabelas por via eletrônica, com uso de programas que geram formatos permutáveis (Corel Draw, Excel, Canvas, etc.). Os autores deverão indicar o programa usado para preparar texto, figuras, gráficos, tabelas, etc.

2. IDIOMA

Os manuscritos devem ser escritos em Inglês. Por favor, certifique-se de que o seu uso e gramática foram realizados corretamente.

3. ORGANIZAÇÃO DO MANUSCRITO

Os autores estão solicitados a seguir as instruções dadas a seguir:

3.1 Texto

Os manuscritos devem ser digitados em Times New Roman, 12 cpi, com espaçamento 1,5 em todo o texto (incluindo notas de rodapé, referências, tabelas, legendas), em papel não superior a 30 cm de altura, 2,5 cm de margem em todos os quatro lados (esquerda, direita, superior e inferior). O espaçamento de 1,5 é equivalente a um máximo de 35 linhas por página. Todas as páginas devem ser numeradas na margem inferior direita da página. O manuscrito deve ser apresentado com linhas numeradas.

3.2 Tamanho do manuscrito

O manuscrito não deverá exceder 30 páginas, incluindo figuras e tabelas. Comunicados curtos e notas técnicas estão limitados a seis páginas, incluindo ilustrações. Unicamente serão publicados gratuitamente manuscritos com menos de 30 páginas. Os autores serão cobrados US $30 por qualquer página impressa adicional. Manuscritos deverão ser apresentados na seguinte ordem:
Título, iniciais(s) e sobrenome(s) do(s) autor(es), endereço completo, filiação e endereço de contato, resumo, palavras-chave, Introdução, Material e Métodos, Resultados, Discussão, Conclusão, Agradecimentos e Referências.

3.3 Desenho do manuscrito

A primeira página do manuscrito deverá conter os seguintes itens na seqüência indicada a seguir:

- Título de até 12 palavras (Times New Roman 16 cpi, negrito, letras maiúsculas).
- Nome (iniciais também são aceitáveis) e sobrenomes de todos os autores em negrito. Ex.: Carlos Ramírez ou C. Ramírez
- Filiação do autor (não abreviada). O endereço e-mail do autor correspondente deve ser fornecido;
- O Resumo deve incluir os objetivos, metodologias, resultados e conclusões. O tamanho não deve exceder 200 palavras.
- Um Maximo de seis palavras-chave. Sempre que possível, utilizar Multilingual Thesaurus of Geosciences (Pergamon Press, 19)

3.4 Divisão do texto

Os manuscritos devem ser divididos em seções e subseções por títulos e subtítulos, até um máximo de três níveis. Para diferenciá-los, LETRAS MAIÚSCULAS EM NEGRITO deverão ser utilizadas para títulos de primeira ordem, letras minúsculas em negrito para títulos de segunda ordem, e letras minúsculas em negrito e itálico para títulos de terceira ordem. Títulos de seções e subseções devem estar alinhados à margem esquerda, seguido pelo primeiro parágrafo iniciado com um espaço em branco. A partir do segundo parágrafo, em cada seção, o alinhamento de novos parágrafos deve ser com sangria.

Os nomes das espécies de plantas e animais devem ser indicados em itálico, por exemplo, Zea mays.

3.5 Quantidades, unidades, abreviaturas, nomenclatura

Apenas unidades do SI devem ser utilizadas (SI = Le Système International d'Unités). Se os dados com unidades fora do SI são apresentados, devem ser colocados entre parênteses atrás dos dados com as correspondentes unidades SI. Símbolos e abreviaturas utilizadas para representar variáveis, constantes, quantidades, características, etc devem ser definidos no texto na sua primeira ocorrência.

3.6 Tabelas

Cada tabela deve ser citada no texto. As tabelas devem ser numeradas com algarismos arábicos na ordem em que aparecem. Elas devem estar dispostas em páginas separadas (uma página por tabela) no final do manuscrito. No texto, a posição em que aparece uma tabela, deve ser marcada pelo (Tabela ...) no meio da página como uma linha extra. Cada quadro deve começar com uma legenda que começa com, por exemplo, "Tabela 3 ...". A legenda deve explicar em detalhe o conteúdo da tabela. As tabelas devem ser apresentadas de uma forma que possam ser lidas e entendidas sem referências do texto.

O tamanho das tabelas devem ser tais que possam ser reproduzidas diretamente após a redução para uma largura de 85 mm. Tabelas de grandes dimensões (páginas horizontais) só podem ser impressas apenas em circunstâncias excepcionais.

Cada coluna e linha em uma tabela devem ser marcadas de forma explícita e unidades adequadas devem ser usadas. As referencias às tabelas devem ser tratadas da mesma forma que o texto. Notas de rodapé para os quadros devem ser indicadas por letras minúsculas entre parêntesis e digitadas diretamente abaixo da tabela.

3.7 Figuras

3.7.1 Observações gerais

Toda figura deve ser citada no texto. As figuras serão impressas em preto e branco. Em circunstâncias especiais que exigem o uso de cores, os custos associados devem ser cobertos pelos autores.

O tamanho das figuras não deve exceder o tamanho da página do manuscrito. As figuras devem ser dispostas em páginas separadas (uma página por figura), no final do manuscrito. Todas as figuras devem ser numeradas com algarismos arábicos, e na seqüência em que são citadas no texto. A posição em que uma figura aparece no texto deve ser marcada por (Figura...) em uma linha extra.

Toda figura deve estar acompanhada por uma legenda que segue imediatamente ao numero da figura: "Figura 5...". As legendas de figuras devem conter informações suficientes para a sua compreensão, sem referência ao texto. As legendas das figuras devem ser escritas em uma folha separada. No final, para a impressão a legenda será colocada em baixo das figuras correspondentes.

Cuidados especiais devem ser tomados para se certificar de que os dados, mostrado nas figuras, são explicitamente marcadas no que diz respeito às unidades usadas, e que as subseqüentes legendas forneçam informações adequadas sobre as condições em que os dados foram obtidos.

A qualidade das figuras deve ser tal que possam ser reproduzidas diretamente após a redução para uma largura de 85 mm. Figuras de maiores dimensões podem ser impressas apenas em casos excepcionais. Números, letras e símbolos nas figuras devem ser grandes o suficiente para permanecer com ao menos 1,5 mm de altura, após a redução para o formato de impressão.

3.7.2 Formato

Independentemente da aplicação usada, quando o seu trabalho artístico eletrônicos estiver finalizado, por favor, "salve como" ou converta as imagens para um dos seguintes formatos (atenção aos requisitos de resolução). As figuras devem ser salvas em folhas separadas, em um dos formatos a seguir: JPG de 300 dpi, TIFF de 300 dpi. Não fornecer os arquivos que são otimizados para uso em tela (como GIF, BMP, PICT, WPG), a resolução é demasiado baixa.

Como este jornal é impresso em preto e branco, o uso de cores ou tons de cinza deve ser evitado. Para gráficos de barra, use linhas diferentes ou recheios para diferenciá-los, e quando apresenta as curvas, use linhas bem diferenciadas. Se as letras ou outros marcadores / símbolos são usados, é aconselhável usar letras de tamanho grande. Sempre use letras e tamanho de fonte uniformes (Times New Roman 12 cpi, como em todo o texto).

3.7.3 Diagramas

Os diagramas devem ser apresentados como desenhos originais de excelente qualidade. Fotocópias ou fotografias de desenhos são, em geral, inadequadas para a reprodução. Caracteres especiais utilizados devem ser explicados no diagrama em si e não na legenda, uma vez que ditos caracteres podem não aparecer ou podem ser perdidos durante a composição de tipos.

3.7. 4 Tons médios (fotografias, desenhos, ilustrações com sombreado fino, etc.)

Fotografias devem ter uma resolução mínima de 300 dpi. Para combinação de desenhos (ex. imagem contendo linhas, texto, diagramas, etc.) deve ser usada uma resolução mínima de 600 dpi. TIFF, JPG, PDF arquivos MS Office (Word, PowerPoint, Excel) podem ser utilizados para figuras. As imagens devem aproximar-se do tamanho desejado da versão impressa. Imagens em cor estarão livres de custos para publicação online. Para a versão impressa, o custo de incorporar fotografias ou gráficos em cor é de responsabilidade do autor.

3.8 Diagramas estruturais e equações matemáticas

Diagramas estruturais de moléculas, bem como equações matemáticas devem ser desenhados ou escritos em partes adequadas do manuscrito em uma linha extra. Equações devem ser indicadas por algarismos arábicos (entre parênteses) alinhadas a margem direita.

3.9 Agradecimentos

Agradecimentos a apoios financeiros, aconselhamento, e outros tipos de ajuda deverão ser feitos ao final do trabalho sob o título "Agradecimentos".

3.10 Referencias

Citações no texto principal devem ser usadas com o nome e ano da publicação. Por exemplo, McDonald (1962), Vera and Luzio (1987), Ellies et al. (1995, 1999) ou: (McDonald, 1962; Vera and Luzio, 1987, Ellies et al., 1995; 1999).

O manuscrito deve ser cuidadosamente verificado para assegurar que a grafia dos nomes dos autores e datas são exatamente as mesmas no texto e na lista de referência.

As referências devem ser listadas em ordem alfabética, em uma folha separada, no final do texto. A lista de referência deve mostrar o nome do autor(es), seguido pelo ano de publicação, título completo do artigo ou livro, nome da revista, volume e números de página, conforme indicado abaixo.

3.10.1 Artigos de revistas periódicas

Van Ranst, E., Utami, S. R., Vanderdeelen, J., Shamshuddin, J. 2004. Surface reactivity of Andisols on volcanic asho along the Sunda arc crossing Java Island, Indenosia. Geoderma 123, 193-203.

Alfaro, M. A., Salazar, F. S., Oenema, O., Iraira, S., Teuber, N., Ramirez, L., Villarroel, D. 2009. Nutrients balances in beef cattle production systems and their implications for the environment. J. Soil Sci. Plant Nutr. 9, 40-54.

3.10.2 Trabalhos no publicados

Trabalhos não publicados, mas que foram aceitos, devem ser citados com o nome da revista seguido de (in press). Em todos os outros casos, deve ser feita referência a (unpublished work) ou (personal communication).

3.10.3 Livros e monografias

Tertian, R., Claisse, F. 1982. Principles of Quantitative X-Ray Fluorescence Analysis. Heyden, London, 385 p.

Hartge, K. H., Stewart B. A. 1995. Soil Structure: Its Development and Function. Advances in Soil Science. CRC Lewis Publishers, Boca Ratón, FL, 424 p.

3.10.4 Capítulos de livros com vários autores

Wold, S., Sjöström, M. 1977. Chemometrics, Theory and Application. In: B. R. Kowalski (ed). ACS Symposium Series Nº 52. American Chemical Society, Washington, DC, pp: 243–282.

Oades, J. M. 1989. An introduction to organic matter in mineral soils. In: J. B. Dixon, S.B. Weed (eds). Minerals in Soil Environments, Second Edition. Soil Science Society of America, Madison, WI, pp: 89-159.

3.10.5 Teses

Hassink, J. 1995. Organic matter dynamics and N mineralization in grassland soils. Doctoral thesis, Wageningen University, The Netherlands, 250 p.

3.10.6 Patentes

Miller, B.0. 1952. U.S. Patent 2542356, Dow Chemical Company; Chemical Abstracts 51 (1961) 2870.

4. PROVAS DE IMPRESSÃO

O autor correspondente receberá uma prova para corrigir erros de impressão. As mudanças na prova não podem ser feitas sem a autorização do conselho editor da revista.

As provas corrigidas devem ser devolvidas no prazo de 5 dias por e-mail. Em caso de não cumprimento deste prazo, o editor chefe irá decidir publicar o artigo sem correções (com isenção de responsabilidade por erros que possam permanecer) ou considerá-lo para um próximo número.

5. REIMPRESSÕES

Ao autor correspondente será fornecido o arquivo PDF final e com o fascículo onde o trabalho aparece. Estes documentos serão enviados por correio normal ao autor correspondente.

6. DIREITO DE AUTOR

A Sociedade Chilena da Ciência do Solo, como editora responsável da Revista, se reserva todos os direitos para a reprodução total ou parcial das matérias publicadas na Journal of Soil Science and Plant Nutrition. O direito de reproduzir o material que está sujeito a direitos de autor deve ser obtido a partir dos autores, que devem notificar ao conselho editorial da Journal of Soil Science and Plant Nutrition.

Apresentação de manuscritos e correspondência

Os manuscritos deverão ser apresentados via e-mail dirigido a:

Toda correspondência deverá ser endereçada a:

  • Milko Jorquera
    Managing Editor
    JOURNAL OF SOIL SCIENCE AND PLANT NUTRITION
    Instituto de Agroindustria
    Universidad de La Frontera
    P.O. Box 54-D
    Temuco-Chile
    E-mail: jsspn@ufromail.cl
    Fone: +56 45 2325467
    Fax: +56 45 2325053

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Sociedad Chilena de la Ciencia del Suelo

Casilla 54-D
Temuco - Chile
Tel.: (56-45) 2325 467
Fax: (56-45) 2325 053


jsspn@ufromail.cl