ISSN 0718-5049 online version

INSTRUÇÕES AOS AUTORES

Escopo e política

Texto que descreve a política editorial da revista, especifica as áreas de interesse da publicação e o tipo de artigos e outras matérias que publica, informa os procedimentos de validação por pares da revista, especifica o público da revista, etc.

Política editorial e escopo da Revista Izquierdas

Izquierdas promove e difunde a pesquisa inédita sobre a história dos fatos e ideias da extensa cultura socialista latino-americana, assim como seus vínculos e experiências com outras culturas políticas regionais e extrarregionais.

Izquierdas recebe, valida e divulga a produção científico-acadêmica universitária e de outros organismos especializados do Chile e o exterior. Seus principais formatos de divulgação são: Artigos científicos resultantes de pesquisas com patrocínio público ou privado; Comunicações acadêmicas: trabalhos apresentados em eventos públicos tais como Congressos, Seminários, Simpósios, etc.; Estudos de fontes e acervos documentais; Resenhas e comentários bibliográficos.

No vasto campo da historiografia, seus novos campos, objetos e focos, Izquierdas acolhe toda produção relevante a respeito de sua temática de base, sejam em qualidade de história social, política, cultural, relações internacionais, estudos de gênero, queer, culturais, sociológicos, filosóficos, estudos de fontes.

Artigos científicos, Comunicações académicas e Estudos de fontes e documentos, são submetidos a avaliação de aspetos formais e conteúdo. No último caso, a chamada avaliação por pares tem a modalidade “duplo-cega”.

Assim que as contribuições forem recebidas, o Conselho Editorial determinará se as reconhece como pertinentes segundo a linha editorial da revista. Caso afirmativo, o artigo será enviado a avaliação por especialistas temáticos. Este processo não passará dos cinco dias desde o recebimento do artigo.

Cada artigo será avaliado por dois especialistas temáticos externos à revista, quem não conhecerão o nome do autor do texto. A entrega de um artigo para avaliação procurará que não existam conflitos de interesse (econômicos, institucionais, políticos, laborais, outros) entre as partes envolvidas (autores, avaliadores, revista). No momento de submissão de originais, os autores poderão dar indicações de objetar os avaliadores. Esta informação será mantida em estrita reserva por parte da direção desta revista. O avaliador terá um período de quatro semanas para comunicar seu parecer ao Comitê Editorial. O nome dos avaliadores será reservado. No fim das avaliações, os pareceres serão:

Aprova-se a publicação do artigo / Comunicação acadêmica.

Aprova-se a publicação considerando e reelaborando os aspetos observados pelos revisores.

Rejeita-se a publicação do artigo.

Se o parecer dos avaliadores observa algumas correções, o autor terá um prazo de vinte dias para fazê-las. Se ultrapassar este prazo, sua publicação estará submetida aos espaços e ocasiões disponíveis e segundo que o C. Editorial determinar.

O fato de um trabalho submetido a avaliação ser aprovado, não implica sua publicação imediata. A decisão final para a publicação ou rejeição de uma comunicação corresponde ao Conselho Editorial da Revista (Sugere-se aos interessados em participar desta Revista, ler os documentos de parâmetros éticos e de boas práticas editoriais de Izquierdas e IDEA, na página de início desta publicação).

Assim que se decidir sobre o parecer de publicação ou rejeição do artigoo autor receberá notificação direta e por escrito (via mail) informando sobre a decisão final. Em caso de publicação, se mencionará aos autores o número da edição e semestre em que aparecerá.

O público objetivo de Izquierdas é tanto a audiência especializada (historiadores/as, cientistas sociais, acadêmicos/as, estudantes) como o público interessado em geral.

Izquierdas não paga nem financia a produção e publicação dos artigos que difunde.

Forma e prepação de manuscritos

Define os tipos de documentos publicados pela revista, especifica as seções ou partes que formam esses tipos de documentos, determina a extensão e outras instruções para a apresentação de resumos, determina o formato, extensão e outras instruções para a apresentação de ilustrações, figuras, fotografias, tabelas, etc., estabelece as normas de apresentação da revista e para as referências bibliografias dos trabalhos, etc.

Izquierdas publica quatro conteúdos básicos:

Artigos científicos, devem corresponder a trabalhos inéditos resultantes de pesquisas com financiamento público, privado ou autofinanciadas (pesquisadores independentes). Em caso de patrocínio organizacional público ou privado, se deverá indicar Nome do projeto, entidade, registro ou código, período de duração.

Comunicações acadêmicas: palestras ou conferências feitas em torneios científicos de reconhecida qualidade e cuja realização não supere um ano de antiguidade. Devem corresponder a trabalhos inéditos resultantes de pesquisas com financiamento público, privado ou autofinanciadas (pesquisadores independentes). Em caso de patrocínio organizacional público ou privado, se deverá indicar nome do projeto, entidade, registro ou código, período de duração.

Estudos de fontes e documentos: trabalhos inéditos centrados na informação e comentário crítico de diferentes acervos documentais úteis e novas pesquisas historiográficas. Devem corresponder a trabalhos inéditos resultantes de pesquisas com financiamento público, privado ou autofinanciadas (pesquisadores independentes). Em caso de patrocínio organizacional público ou privado, se deverá indicar nome do projeto, entidade, registro ou código, período de duração.

Resenhas e comentários bibliográficos: aproximação crítica a novidades monográficas e hemerográgicas de não mais de um ano de antiguidade.

Exigências formais para a preparação de originais

Artigos científicos. Os artigos deverão ser escritos em tamanho carta, com espaço simples, com fonte tamanho 12 times new roman, margens de 3 cms. em todos seus lados e com páginas numeradas. Devem ter uma extensão máxima de 25 páginas e mínima de 10, incluindo gráficos, quadros, citações e bibliografia. Contudo, se estimado pertinente, o Comitê Editorial poderá acolher também trabalhos de uma extensão maior ou menor.

Os artigos devem vir na língua oficial da publicação que é o castelhano. O título do trabalho deve vir em tamanho fonte 16 e os subtítulos em 14. Subtítulos menores: fonte tamanho 12, em negrito.

Depois do título, alinhado à direita, se deve colocar o nome do ou dos autor(as). Em asteriscos e em rodapé se deverá incluir:

Nacionalidade do(os) autor(es)

Qualidade autoral: em circunstâncias onde existir mais do que um autor ou autora, se deverá especificar, depois da nacionalidade deles, quem o autor principal e quem o secundário. Em caso de ambos(as) terem a mesma condição, se deve indicar a qualidade de Coautores(as). Assistentes de pesquisa ou outros colaboradores(as) NÃO se devem colocar como autores.

Perfil profissional e/ou acadêmico

Instituição(ões) nas que está(ão) adscrito(s)

Em caso de patrocínio organizacional público ou privado, se deverá indicar nome do projeto, entidade, registro ou código, período de duração.

Endereço de e-mail do autor(es) - Coautores

Antes do início do artigo, em não mais de seis linhas, se colocará seu resumo em castelhano e em inglês (abstract), além da indicação, em linha aparte (castelhano e inglês) de quatro a seis palavras ou conceptos chave (keywords) de identificação de conteúdo.

O Editor acusará recebimento dos textos em um prazo não maior a 5 dias depois de serem recebidos, e informará seus autores da decisão que se adote sobre eles no Conselho Editorial.

As Comunicações acadêmicas e os Estudos de fontes e Documentos se submetem às mesmas exigências formais dos Artigos, salvo em extensão, a que não deverá ser superior a 10 páginas.

Resenhas e Comentários bibliográficos:

  • Extensão: máxima de 4 páginas tamanho carta.
  • Fonte 12 Times New Roman
  • Espaçamento simples
  • Margens: 3 cms. em todos os lados

Envio de tabelas, quadros e imagens: Em arquivos à parte se apresentarão os gráficos (Excel) e as figuras (unicamente em formato jpg com uma resolução não inferior a 300 dpi). As tabelas e as figuras devem ser inéditas; caso contrário, o autor deve obter a respectiva permissão para sua reprodução e citar a fonte na legenda.

Organização dos conteúdos: a exceção das resenhas de livros e revistas, todos os formatos de contribuições a Izquierdas deverão organizar seus argumentos baseados no padrão clássico de exposição, nomeadamente, Introdução, Desenvolvimento, Conclusões. Caso necessário, para mais antecedentes sobre o que se entende por cada um deles, os interessados deverão contatar por escrito o Editor manuel.loyola@usach.cl.

A letra em itálico se utilizará só para as palavras estrangeiras não naturalizadas. A negrita se reserva unicamente para subtítulos de terceira categoria. Não se devem separar as palavras no final de uma linha. As citações textuais de até quatro linhas, deverão ir entre aspas no mesmo texto. As citações que ultrapassem quatro linhas, devem ir fora do texto, em parágrafo independente, com dois cms. de recuo em sus lados, sem aspas, e em tamanho 11 de Times New Roman.

Estilo de citação:

As notas devem vir ao rodapé de acordo com as seguintes diretrizes:

a) Quando é reconhecido pela primeira vez uma obra (impressa ou eletrônica), deve incluir o nome (s) e sobrenome do autor (es), título (em itálico), cidade, editora, ano de publicação e páginas. Todos estes dados devem ser separados por vírgulas, e não por pontos.

b) Para seguintes referências a esse primeiro trabalho, cite o nome do autor (ou do primeiro autor, se houver mais de um), seguido por op. cit. (em itálico) e página.

Exemplo:

-Kathryn Burns, Into the Archive. Writing and Power in Colonial Peru, Durham and London, Duke University Press, 2010.

Burns, op. cit., 38-41.

Para artigos ou trabalhos em obras coletivas (revistas, livros, etc.) escriba em itálico apenas o título do livro ou da revista em que o texto é citado. Neste caso, ao lado do nome da revista ou livro, será adicionado número, volume, cidade, ano e página.

Exemplo:

William Skuban, “La apertura y el cierre de la frontera chileno-peruana: el plebiscito de Tacna y Arica, 1880-1929, Fernando Purcell y Alfredo Riquelme (eds.), Ampliando miradas. Chile y su historia en un tiempo global, Santiago, RIL Editores / Instituto de Historia PUC, 2009, 129-158.

Ángela Vergara, “The Recognition of Silicosis: Labor Unions and Physicians in the Chilean Copper Industry, 1930s-1960s”, Bulletin of the History of Medicine 79:4, Santiago, invierno 2005, 723-748.

c) Para reproduzir a nomeação imediatamente anterior, debe usar Ibid e Idem. (não acentuado e itálico). Idem quando é exatamente o mesmo; Ibid., quando contém algumas variações, como número de páginas, capítulos, etc.

Importante: O recebimento de qualquer material por parte de Izquierdas deve vir acompanhado do envio simultâneo da Carta de originalidade, não submissão simultânea e direitos de autor, cujo modelo se encontra na página de Início desta Revista.

Envio manuscritos

Texto que especifica as formas de envio de originais para a revista.

[Sobre esta revista] [Corpo editorial] [Assinaturas]


Instituto de Estudios Avanzados, IDEA
Universidad de Santiago de Chile

Román Díaz 89, Providencia
CP: 9190740
 Santiago - Chile

Tel.: (56-2) 2718 1360


manuel.loyola@usach.cl
manuel.loyola@gmail.com